brita2
Este é um post algo triste. Tem como fonte de inspiração os terríveis incêndios que assolam o país. E fala da água que eu bebo e que tanta falta faz, a todos os níveis.
A água que eu bebo é da torneira. É assim já há muitos anos. Nem em todo o lado sabe bem, por isso há muita gente a comprar garrafões e garrafas, ou até a abastecer-se em nascentes e fontes, que felizmente ainda existem por aí.
Mas a água que eu bebo tem um segredo: é filtrada. Os benefícios são alguns. Por exemplo, os filtros eliminam ou diminuem toxinas ou resíduos nocivos, mantendo as propriedades e os minerais desta bebida tão essencial. Para além disso, e até pode ser mera sugestão, o sabor é melhor.
Já agora vejam neste vídeo o que um filtro pode fazer a um conhecido refrigerante.
A minha água está num jarro que usa filtros. É Brita. Bebo a isso.
 

Written by admin

Leave a Comment