Um 2018 muito fish!

eb677a_ccb661316ee04e929cd4d2846ded1620_mv2Na passagem do ano quase todos nós temos na cabeça desejos e sonhos que gostaríamos de concretizar nos 365 dias que temos pela frente. Alguns não se concretizam mas a intenção está lá e depois logo se vê.

Portanto aqui vai uma aspiração minha para 2018: fazer uma apreciação (light) de alguns sítios onde vou degustar e comer iguarias e outros acepipes (tal como já fiz neste post).

Ora bem, posto isto, na última noite de 2017, um grupo de amigos e eu juntámo-nos na Peixola, algures na Rua do Alecrim, em Lisboa. Tal como o nome indica, é um restaurante vocacionado para as coisas do mar.

A primeira impressão do local é curiosa e agradável: a maior parte dos lugares é ao balcão, que tem a forma de um peixe estilizado (conclusão minha). O espaço é agradável e despretensioso, destacando-se um peixe de lixo de plástico a navegar na parede, o que dá um ar modernista ao restaurante. Já o wc é apertadinho, o que pode proporcionar um convívio não solicitado entre os clientes…

Quem quiser ficar com uma ideia transversal da oferta dos pratos tem um menu de degustação ao dispor. Mas eu optei por escolher pela carta. E lá fui eu por uma amêijoa, um taco de peixe galo, outro de camarão, uma sopa de peixe excelentemente picante e um tártaro de salmão, tudo muito apetecível e saboroso. Ah, isto a dividir com a minha namorada, porque não quisemos enfardar, nem esvaziar a carteira. Rematámos com um petit gâteau de caramelo com gelado. Como dias antes tinha arrancado um dente do siso, a minha opção de copos era só a água. Mas um dos empregados teve pena de mim e preparou-me um óptimo cocktail sem álcool, com uma base de maracujá, limão e laranja. Estava óptimo!

É um sítio a voltar, ideal para um copo ou dois, com duas ou três sugestões das diversas entradas e acepipes. E aconselho o balcão, até para se ver o frenesim dos empregados (muito novos) mas que, com um despachado profissionalismo, dão conta do recado. Achei que o tempo de espera pelos pratos foi um pouco lento mas como era noite de fim de ano não me incomodou muito, pois não tinha pressa de me meter ao caminho para ver o fogo de artifício.

Ok, e uma vez mais, que tenham um bom 2018, de preferência muito fish, até porque é mais saudável. E tomem lá uma musiquinha a condizer:

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s