Será que o Bordallo mete penas?

A cerâmica das Caldas da Rainha sempre primou por um conceito de inspiração naturalista, seja qual for o tipo de fruta ou de legumes que representa. Sim, porque na louça das Caldas há fruta e “fruta”, se bem me entendem…

Apesar de não ser um grande fã deste tipo de louça, e de muitas vezes não perceber bem a diferença entre a boa e a má, há um nome (actualmente é mais uma marca) que é incontornável: Rafael Bordallo Pinheiro. Notabilizou-se como desenhador, ilustrador, decorador e caricaturista, mas a sua veia artística moldou-o também na área da cerâmica.

Um dia destes, andando em busca de uma prenda para uma amiga, tive na mira as peças da marca Bordallo. Na Hangar Design Store, no CCB, havia pouca coisa. E o pouco que havia era caro! Um jarrão com andorinhas em relevo era ainda mais exorbitante. Com muita pena minha, não levei o artigo com as aves. Mas confirmei: o Bordallo mete penas… de passarada.

No entanto, entre artigos decorativos naturalistas, lá dei com umas peças da marca Laboratório d’Estórias. Eram igualmente aspiradoras de dinheiro, e com um pendor ainda mais realista (ver as fotos no início deste post), parecendo interessantes para oferecer. Mas tal não aconteceu, por óbvios motivos de contenção orçamental.

O que restou então? Andorinhas, senhores, andorinhas, que a minha namorada comprou na Mercearia Poço dos Negros, a 10,50€ três. Tenho a certeza de que a nossa amiga irá voar de felicidade. Ich bin so glücklich in Portugal!

3 Andorinhas, da Mercearia Poço dos Negros

3 Andorinhas, compradas na Mercearia Poço dos Negros. (foto gentilmente cedida por Marta Leonardo)

In english:

The pottery of Caldas da Rainha always excelled by a concept of naturalistic inspiration, regardless of the type of fruit or vegetables it represents.

Although not a big fan of this type of crockery, and often do not see well the difference between good and bad, there is a name (currently is more a brand) that is unavoidable: Rafael Bordallo Pinheiro. He was as a designer, illustrator, decorator and caricaturist, but his artistic vein shaped him also in the ceramics.

One of these days, searching a gift for a friend, I had in sight the pieces of the Bordallo brand, in the Hangar Design Store at CCB. However, among naturalistic decorative items, I found some pieces of Laboratório d’Estórias brand. They were also expensive, and with an even more realistic penchant (see photos at the beginning of this post), looking interesting to offer. But this did not happen, for obvious reasons of budgetary restraint.

What’s left? Swallows, that my girlfriend bought at the Mercearia Poço dos Negros store, at €10.50 three. I’m sure our friend will fly with happiness. Ich bin so glücklich in Portugal!

Leave a Reply