Homem ao mar.

Até ao início da minha idade adulta passei sempre umas férias grandes fantásticas na Costa de Caparica (“de” e não “da”… mas soa estranho, eu sei). Eram 3 a 4 gloriosos meses, onde a vida corria lenta, com muita praia e poucas complicações. Foi aí que surgiu o bichinho do mar. Entretanto ele esteve muitos … Continue reading Homem ao mar.

Delícias da Páscoa para todos.

E eis uma nova Páscoa. Não sou católico, nem apostólico, e muito menos romano, mas é uma festa em família, sem esquecer os amigos mais próximos. Amêndoas, ovos, muito chocolate, borrego, provavelmente uma ida ao O Bom, O Mau e O Vilão, ou uma sessão de bodyboard ou uma caminhada, quem sabe… Só não vai haver … Continue reading Delícias da Páscoa para todos.

Um homem também usa tampões.

Um homem não gosta de meter água. Eu, pelo menos, não gosto. Isto no sentido figurado, o que não quer dizer que não existam situações mais específicas. Por exemplo, há pouco tempo meti-me no bodyboard, reminiscências dos tempos em que fazia “carreirinhas” (hoje é mais fino dizer bodysurf) na Costa de Caparica. Ok, estou ser … Continue reading Um homem também usa tampões.

Segunda vida, primeira praia.

O título deste post é um pouco exagerado, eu sei. Mas, de exagero em exagero, chega-se à praia. Neste caso a de Carcavelos. E como vim aqui parar? Sem entrar em detalhes muito pessoais sobre a minha vida privada, há cerca de 2 anos e meio aterrei em plena linha de Cascais/Estoril e, desde logo, … Continue reading Segunda vida, primeira praia.

Uma questão de peso.

É mais do que sabido que a prática de um exercício físico regular e com algum método é essencial para um bom estado de espírito. Sim, fazer desporto é muito mais do que trabalhar para se ter um corpo mais engraçado ou em forma. Há quem ainda não saiba, mas o exercício físico faz muito … Continue reading Uma questão de peso.

O que vem à rede.

  Um tipo precisa de se alimentar. E eu sei cuidar bem de mim. Felizmente já não enfardo tanto. Muito pelo contrário. Tenho comido muitas saladas e afins. O resultado é bom: menos 6 quilos em 4 meses. Este regime é acompanhado com BTT, caminhadas, bodyboard e ginásio em casa (abdominais numa esteira Ferrino e … Continue reading O que vem à rede.

Faça chuva, faça sol, caminha!

À partida, as condições meteorológicas podem condicionar, e muito, a nossa vontade em fazer exercício ao ar livre. Pela minha constatação empírica, os portugueses mal sentem umas pinguitas de chuva arranjam logo um bom par de desculpas para não darem corda aos sapatos, optando por ficarem especados em frente à TV. É claro que se … Continue reading Faça chuva, faça sol, caminha!